Wings For Life: correndo por uma causa

Wings For Life: correndo por uma causa

6 de maio de 2019 0 Por Mariana Colpas

Com a frase “Corra por aqueles que ainda não podem”, a corrida Wings For Life (WFL) teve sua largada às 8 da manhã do último dia 5. O evento mundial aconteceu pela primeira vez no Rio de Janeiro e reuniu quase 3 mil pessoas na orla da Zona Sul Carioca, começando no posto 12 da praia do Leblon e tendo como ponto final, onde os participantes podiam buscar sua medalha, o Aterro do Flamengo. A corrida acontece simultaneamente em mais de 60 países em busca de um objetivo: a cura das lesões de medula espinhal.

Todos os fundos arrecadados, tanto com as inscrições quanto por doações externas, são investidos em pesquisas ao redor do mundo para que a melhora dos pacientes lesionados seja mais rápida. A corrida foi fundada em 2014 e desde então vem contribuindo financeiramente e inspirando atletas a participarem da causa. Em 2018, mais de 100 mil pessoas fizeram inscrições em uma das provas espalhadas por 66 países e, juntas, somaram 934.484 km percorridos, arrecadando €3 milhões.

Para que seja diferente das outras corridas, a WFL não possui uma linha de chegada. Os organizadores criaram o um carro que sai da largada 30 minutos após o início da corrida e vai andando a 15 km/h atrás dos participantes. O “Catcher Car”, como é chamado o veículo, funciona da seguinte forma:

fonte: www.wingsforlifeworldrun.com
fonte: www.wingsforlifeworldrun.com

Sandro Montano foi à corrida representando a Lei Seca, para mostrar as consequências de dirigir sob a influência de álcool. O paratleta de 45 anos se envolveu em um acidente de de carro em que estava dirigindo embriagado e teve uma lesão na medula. Ele foi atleta durante sua vida toda e, após o acidente, entrou na Paracanoagem para não deixar os esportes de lado. “Venho para fazer um trabalho de conscientização em prol daqueles que não podem correr e em apoio às causas do governo do Estado em relação à Lei Seca.”, falou sobre sua participação na corrida.

Sandro Montano na corrida Wings For Life / foto: Matheus Pardellas

A história de Sandro é apenas uma das milhares presentes no evento. Confira agora na matéria em vídeo como foi a corrida no Rio de Janeiro e alguns depoimentos de corredores presentes.

Texto e vídeo: Mariana Colpas e Matheus Pardellas